O novo aplicativo do Facebook para Windows 10 agora está disponível

Depois de muito tempo sem um aplicativo atualizado do Facebook para o Windows 10, o Facebook lançou um aplicativo moderno, otimizado disponível na Microsoft Store. O Esperado é que o Facebook lance atualizações regulares para seu novo aplicativo.

O novo aplicativo do facebook não é UWP e não tem integração com live tiles. Outros apps do Facebook disponível na Microsoft Store são apps nativos como o Facebook Watch e Messenger.

Novidades até agora sobre o Windows 10 e Project Reunion

A Microsoft anunciou pela primeira vez o Project Reunion em sua conferência de desenvolvedores Build 2020 e pode ser a melhor tentativa da empresa de melhorar a experiência de aplicativos nativos no Windows 10 unindo os aplicativos UWP e Win32.

O que é o Project Reunion?

Project Reunion não é um novo modelo de aplicativo e não oferece um conjunto diferente de APIs. Em vez disso, é suposto melhorar a experiência de desenvolvimento atual.

Aplicativos Win32 e UWP são muito diferentes, se um desenvolvedor faz um aplicativo na plataforma UWP e percebeu que em Win32 talvez fosse melhor, ele abandona seu aplicativo em UWP para reescrever tudo de novo em Win32, mesma coisa ocorre em Win32 para UWP.

Microsoft deseja acabar com a divisão entre Win32 e UWP

Durante o MS Ignite 2021, a Microsoft explicou que o Project Reunion é sobre unir (UWP e Win32) para que a divisão não exista.

Project Reunion

Com o Project Reunion, a Microsoft está desacoplando APIs Win32 e UWP do Windows 10, e pegando as APIs que foram enviadas no UWP e disponibilizando-as para o Win32 para “preencher” a lacuna entre as duas plataformas.

Fonte: MS Ignite 2021

Novidades do Windows 10 Insider Preview Build 21318

A Build 21318 do Windows 10 Insider Previw foi lançado no Dev Channel para participantes do programa Windows Insider. (Agora também disponível para dispositivos ARM64).

O QUE HÁ DE NOVO NA BUILD 21318:

Displaying the new Paste as Text option in clipboard history.

Agora você pode abrir o histórico da área de transferência (WIN + V) e clicar no ” …” botão ao lado de qualquer entrada baseada em texto no histórico na área de transferência – agora você verá uma opção “Colar como texto simples” ao lado do Pin e excluir…

MUDANÇAS E MELHORIAS

  • Os insiders que usam aplicativos x64 no ARM64 não precisarão mais baixar e instalar uma versão de visualização do pacote redistributível ARM64 C++.
  • Melhorias no layout padrão do teclado em telas de 12″.
  • Bugs no recursos [Notícias e interesses] removido.
  • A Microsoft corrigiu um problema onde aplicativos x64 como o OBS Studio não conseguiram ativar a câmera no ARM64.
  • A Microsoft corrigiu um problema que impedia o Azure Data Studio e, por extensão, o SQL Server Management Studio, de instalar no ARM64.

PROBLEMAS CONHECIDOS

  • A Microsoft está investigando um problema em que, se você acessar um dispositivo AAD (AAD) do Azure Active Directory via REMOTE Desktop (RDP), ele falhará após a atualização para a Build 21313. Para resolver o problema, adicione a seguinte chave de registro:

Tecla: [HKEY_LOCAL_MACHINE\SOFTWARE\Microsoft\IdentityStore\LoadParameters\{B16898C6-A148-4967-9171-64D755DA8520}]

Valor: “Ativado”=dword:00000001

Fonte: Windows Insider

Microsoft “bate” Apple MacBook Pro em novo anúncio do Surface Pro 7

 A Microsoft publicou um novo anúncio do Surface Pro 7 em seu canal no YouTube. O anúncio provoca o MacBook Pro da Apple dizendo que o Surface Pro 7 tem suporte a toque e caneta, melhor design com teclado destacável e compatibilidade com uma ampla gama de software, incluindo vários jogos populares.

E Ainda fala ” Apenas o Surface Pro 7 tem a versatilidade de um tablet e laptop. Com recursos como touchscreen, teclado e caneta destacáveis e energia suficiente para executar seus aplicativos favoritos — você pode trabalhar ou jogar de qualquer lugar. O Microsoft Surface Pro 7 tem tudo o que você precisa para fazer o que você ama.”

O Surface Pro 7 nos Estados Unidos tem valor de $890 enquanto o Macbook Pro $1299.

Ver a imagem de origem

Especificações Surface Pro 7

CenáriosVersátil laptop 2 em 1 para trabalhar e jogar do seu jeito, compras, escrita na tela e streaming netflix.
Dimensões11,5″ x 7,9″ x 0,33″ (292 mm x 201 mm x 8,5 mm)
ExibirTela: PixelSense de 12,3″

™ Resolução do display: 2736 x 1824 (267



PPI) Proporção: 3:2 Toque: 10 pontos multi-toque
Memória4GB, 8GB ou 16GB LPDDR4x RAM       
Processador8Processador Intel® Core de 10ª Geração dual-core™ processador i3-1005G1 Processador Intel® Core ® 10ª Geração quad-core™ processador i5-1035G4 Processador Intel® Core ® 10ª Geração Quad-core™ processador i7-1065G7
   
SegurançaProteção de

grau empresarial do Firmware TPM Com login facial do Windows Hello
Software Windows 10 Home
Teste de 30 dias dias Microsoft 365 
SensoresSensor de

luz ambiente

Acelerômetro

O que está na caixaSurface Pro

7

Fonte

de Alimentação Quick Start Guide Documentos de segurança e garantia 
Peso2 (sem incluir a capa do tipo)*i3, i5: 1,70 lb (775 g)
 i7: 1,74 lb (790 g)

O Microsoft Defender agora padrão para “barrar” malware automaticamente

 

thumbnail image 2 of blog post titled Microsoft Defender for Endpoint: Automation defaults are changing

A Microsoft acaba de anunciar que está trocando o Microsoft Defender por Endpoint de exigir aprovação para qualquer remediação (semi) para remediar ameaças automaticamente (completa), começando pela versão Public Preview.

O Microsoft Defender quando definido como Full, após um alerta de segurança o Microsoft Defender iniciará automaticamente uma investigação, criando uma lista de ameaças relacionadas encontradas em um dispositivo e seus níveis (maliciosos, suspeitos ou limpos), para cada malware o MS Defender vai criar uma ação específica e em seguida vai executar a ação de remoção do malware.

Quando o MS Defender for definido para Semi – Exigir aprovação para qualquer remediação, o programa vai solicitar ação manual do usuário.

Fonte: Microsoft Defender for Endpoint

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

Acima ↑